quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Escovação dos dentes

Manter os dentes limpos, além de combater problemas bucais, ajuda a proteger o coração de infartos. Muitas pessoas não se preocupam muito com a saúde bucal por achar que cáries e gengivites não causam efeitos mais nocivos ao organismo e podem ser tratados com facilidade. Mas as inflamações na gengiva, causadas pelo acúmulo de placa bacteriana, também aumentam os riscos de acidentes vasculares celebrais (AVC) e problemas no cérebro.
Segundo a literatura científica, mesmo que a relação entre saúde bucal e doenças cardiovasculares ainda não esteja totalmente clara, vários trabalhos já mostraram que inflamações crônicas na gengiva podem evoluir para infecções e, então, contribuir para o endurecimento das artérias, aumentando as chances de ataque cardíaco.
Além de fazer visitas frequentes ao dentista, o hábito de escovar os dentes pelo menos três vezes ao dia também ajuda a proteger o coração. Pesquisadores da Escócia descobriram que pessoas com menor frequência de escovação tiveram um risco 70% maior de doença cardíaca, quando comparados com indivíduos que escovam os dentes duas vezes por dia.
Outro problema causado pela falta de higiene bucal é a perda gradativa de paladar, já que a camada de placa bacteriana impede que o gosto dos alimentos penetre em nossas papilas gustativas. Para resolver esse problema, alguns alimentos, aliados a escovação dos dentes, ajudam a limpar a boca. Alimentos ricos em fibras, como laranja, maçã, banana, pera, ameixa e mamão, ajudam a limpar a superfície dos dentes e da língua, deixando o paladar mais apurado.
Fonte: MINHA VIDA (por newsletter!)