domingo, 7 de julho de 2013

Momento lírico 174

Poeminhas pra um domingo de Julho

SONHO IMAGINÁRIO (Karl Fern)
Sonhando com pérolas aladas
Entre as contas de meu rosário
Incidem num espelho imaginário
Oculto em abóbadas estreladas
Algumas imagens encantadas
Entre cortinas de ansiedades
Fluem alvoradas de felicidades
Processando sopros benfazejos
E de um candelabro de desejos
Caem ramalhetes de saudades!
***

SE... (Karl Fern)
Se a mentira é malfazeja
Pode deixar alguém magoado
É bom também tá lembrado
Que a verdade também lateja
Há situações da peleja
Que é melhor ficar calado.
***

POR QUE NÃO? (Karl Fern)
Dizem que homem não chora
Isso eu não sei o porquê
Pois uma lágrima de prazer
Flui dependendo da hora
Ontem, amanhã ou agora
Na minha ou noutra idade
No abraço ou na saudade
Fale de mim quem quiser
Pelo amor de uma mulher
Eu pranteio de felicidade!
Fonte: MINHAS RIMAS (Karl Fern)