sábado, 27 de outubro de 2012

28 de outubro: Dia do servidor público

A data foi instituída no governo do presidente Getúlio Vargas (1882-1954)*, através da criação do Conselho Federal do Serviço Público Civil, em 1937. No ano seguinte seria fundado o Departamento Administrativo do Serviço Público do Brasil, onde esse tipo de serviço passou a ser mais utilizado.
As leis que regiam os direitos e deveres dos funcionários que prestariam serviços públicos foram definidas no decreto nº 1.713, de 28 de outubro de 1939. O atendimento nos serviços públicos passou a ser um direito oficial da população do Brasil.
Décadas depois, em 11 de dezembro de 1990, foi publicado o novo Estatuto dos Servidores Públicos Civis da União, das autarquias e das fundações públicas federais. A Lei nº 8112 de 11 de dezembro de 1990; revogou a Lei nº 1.711, de 28 de outubro de 1952, e respectiva legislação complementar, bem como as demais disposições em contrário, alterou várias disposições da antiga lei. Os direitos e deveres desses servidores estão definidas e estabelecidas na Constituição Federal do Brasil, além dos estatutos das entidades em que trabalham.
Também nesta data se comemora:
- Dia de São Judas Tadeu - Santo da Igreja Católica
- Dia de São Simão - Santo da Igreja Católica
- Dia Internacional do Animador
- Dia do Engenheiro Aeronáutico - Brasil
- Dia do Flamenguista[1] (Rio de Janeiro, Brasil).

* Getúlio Dornelles Vargas nasceu no dia 19 de abril de 1882, em São Borja, no Rio Grande do Sul. Alterou o ano de seu nascimento para 1883 por razões desconhecidas. O fato foi descoberto somente no ano do centenário de seu nascimento, quando a igreja onde havia sido registrado divulgou sua certidão verdadeira. A falsificação descoberta por estudiosos constava do atestado militar apresentado por ele à Faculdade de Direito de Porto Alegre (http://educacao.uol.com.br/).

Fonte: WEB

Macarrão saudável

Sendo parte da dieta de tanta gente, a eCycle aproveita a semana do dia mundial do macarrão (25 de outubro) para apresentar uma receita simples, rápida, nutritiva e saudável que envolve esse alimento tão importante para os brasileiros. Mas antes, algumas dicas:
- Na hora de comprar o macarrão, dê prioridade aos tipos feitos com farinha de trigo integral ou com farinha de linhaça (a última não contém glúten);
- A receita a seguir não utiliza macarrão instantâneo, conhecido como Lamen, mas procure evitá-lo em sua dieta. Ele possui grande quantidade de sódio. A indústria alimentícia reconheceu o erro e irá reduzir gradativamente o nível da substância nos diversos tipos de macarrão instantâneo (principalmente nos temperos) até 2014. O acordo foi firmado com o Ministério da Saúde;
- Quando for comprar legumes e verduras, prefira os produzidos localmente, assim se evita degradação do produto e emissões de poluente por causa do transporte;
- Opte por legumes e verduras orgânicos, pois não contêm agrotóxicos em seu processo de produção.
Receita
Salada de macarrão com rúcula ao vinagrete de laranja
Ingredientes:
Salada
-500 gramas de massa curta de grano duro cozida al dente
-250 gramas de queijo tipo muçarela cortado em cubos
-200 gramas de ervilhas frescas escaldadas
-200 gramas de palmito cortado em cubos
-200 gramas de cenoura crua ralada
-100 gramas de salame fatiado e cortado em tiras ou a gosto
-200 gramas de creme de leite UHT
-Água se necessário
-100 gramas de maionese
-Cheiro verde a gosto
Vinagrete
-1/2 xícara das de chá de suco de laranja
-1/2 xícara das de chá de azeite
-1/4 xícara das de chá de vinagre de vinho branco
-1 colher das de sobremesa de mel
-1 colher das de sobremesa de gengibre ralado
-Folhas de rúcula a gosto para servir.

Modo de preparo
Misture bem todos os ingredientes da salada e sirva sobre as folhas de rúcula temperadas com o vinagrete de laranja. Sirva bem gelada.

Fonte: eCYCLE (http://www.ecycle.com.br/component/content/article/62-alimentos/1115-macarrao-pode-ser-mais-saudavel.html)
 

Aterro Sanitário

O Aterro Sanitário é um processo de tratamento de resíduos sólidos bastante utilizado, segundo estudos, viável técnica e economicamente para populações acima e 50 mil habitantes contribuintes. Consiste na deposição controlada de resíduos sólidos no solo, espalhado com trator e sua coberto diariamente com terra, formando uma morro com o tempo. Futuramente este morro poderá se tornar um espaço de reflorestamento, pois é rico em matéria orgânica.
Este processo é apropriado para condicionamento de lixo domiciliar que, fundamentado em critérios de engenharia e normas operacionais específicas, permite a deposição segura em termos de controle de poluição ambiental.
Antes de se projetar o aterro, são feitos estudos geológico e topográfico para selecionar a área a ser destinada, para que sua instalação não comprometa o meio ambiente. Uma vez depositados, os resíduos sólidos se degradam naturalmente por via biológica até à mineralização da matéria biodegradável (através da ação de bactérias), em condições fundamentalmente anaeróbias (sem a presença de oxigênio atmosférico).
O aterro sanitário é uma obra de engenharia que deve ser orientada por quatro objetivos:
      - diminuição dos riscos de poluição provocados por cheiros, fogos, insetos;
       - utilização futura do terreno, através de uma boa compactação e cobertura de terra;
       - minimização dos problemas de poluição da água, provocados pelo chorume;
       - controle da emissão de gases (liberados durante os processos de biodegradação)  
Esse processo tem as seguintes vantagens e desvantagens:

Vantagens
Desvantagens
Processo de baixo custo
Recuperação de áreas degradadas
Flexibilidade de operação
Não requer pessoal muito especializado
Longa imobilização do terreno
Necessidade de grandes áreas
Necessidade de material de cobertura
Dependência das condições climáticas