terça-feira, 3 de julho de 2012

Momento lírico 42

PAIXÃO SEM FIM
(Karl Fern)

Tens uma singela nobreza
Catedral das imaginações
Capricho da mãe natureza
Tecido de áureos cordões.

Dos meus olhos um colírio
Sorriso franco e imaculado
Alvo de harmonioso delírio
Deste solícito extasiado.

Tens o perfume da rosa
Do jardim d’um sonhador
És uma pérola mimosa
Com seu brilho sedutor.

De sua voz lírica, maviosa
Ouço versos de uma canção
Elevam minha autoestima
Envolvem-me de emoção.

Suave melodia predileta
De um menestrel cantador
És a rima mais completa
De um poema inspirador.

Tens a imagem da realeza
A mais bela das mortais
Joia de raríssima beleza
Fórmula pura dos cristais.

Um monumento encantado
Estátua grega, olímpica
Mármore celeste lapidado
Arte majestosa, magnífica.

Se pra seu amor for preciso
Ter que ir falar com Deus
Irei com meu melhor sorriso
Bater na porta dos Céus!